18+ | Jogue com responsabilidade | Aplicam-se os Termos e Condições | Conteúdo comercial

Brasil decepciona e está eliminado da Copa do Mundo Feminina

WWC23 JAMAICA BRAZIL, Jamaica celebrates following their nil all draw with Brazil to advance to the round of 16 during t
Crédito: xJOELxCARRETTx

Seleção Brasileira não conseguiu furar a defesa da Jamaica e ficou no empate de 0 a 0.

A quarta-feira (2) da Copa do Mundo Feminina teve o Brasil em ação. As brasileiras foram eliminadas. Além da eliminação da seleção canarinho, outros jogos também foram realizados pela terceira rodada da fase de grupos. Confira, abaixo, o resumo destas partidas:

Argentina 0 x 2 Suécia

As suecas assumiram novamente o favoritismo dentro das quatro linhas e conseguiram mais uma vitória. A seleção da Escandinávia passou para as oitavas de final com uma ótima campanha no Grupo G. Foram três vitórias em três jogos, com nove gols marcados e apenas um sofrido. Os tentos da Suécia na última partida foram feitos com Rebecka Blomquivst e Elin Rubensson.

Este duelo foi disputado às 4h, horário de Brasília, no Wellington Regional Stadium, na capital da Nova Zelândia.

Na próxima fase da competição da FIFA, as europeias vão encarar os Estados Unidos. Este será um duelo entre dois países extremamente tradicionais no futebol feminino. A partida será às 6h, horário de Brasília, deste domingo (6), no Melbourne Rectangular Stadium, na Austrália.

Enquanto isso, as argentinas ficaram na lanterna do grupo, com um empate e duas derrotas. Foram dois gols feitos e cinco sofridos. A equipe da América do Sul está eliminada e vai voltar para casa.

África do Sul 3 x 2 Itália

Um grande jogo definiu a segunda seleção classificada do Grupo G. Este confronto foi realizado também às 4h, no Waikato Stadium, na cidade de Hamilton, na Nova Zelândia. As sul-africanas conseguiram o triunfo de maneira emocionante, ganhando de virada.

Benedetta Orsi (contra), Hildah Magaia e Thembi Kgatlana balançaram as redes para as africanas. Para as europeias, Arianna Caruso fez duas vezes. O gol da vitória foi marcado nos acréscimos do segundo tempo por Kgatlana.

Será a primeira vez que as banyanas banyanas vão disputar um jogo de oitavas de final de uma Copa do Mundo. O adversário da estreia vai ser contra a Holanda, atual vice-campeã mundial. O jogo será no sábado (5), às 23h, no Sydney Football Stadium, na Austrália.

A Itália está eliminada. A Azurra ficou no terceiro lugar da chave com três pontos, vindos da vitória 1 a 0 sobre a Argentina na primeira rodada.

Jamaica 0 x 0 Brasil

O empate sem gols no Melbourne Rectangular Stadium fez com que a Seleção Brasileira fosse eliminada. A bola rolou às 7h e as comandadas da técnica Pia Sundhage tiveram muitas dificuldades para furar a defesa jamaicana.

A campanha canarinha teve uma vitória, um empate e uma derrota, ficando na terceira posição do Grupo F. A participação de 2019 foi uma das piores da história do país no torneio da FIFA. Somente em 1991 e 1995 que o Brasil não havia passado da fase de grupos.

Do outro lado, a Jamaica, em sua segunda participação, fez história ao passar para as oitavas. A equipe da América Central teve duas vitórias e um empate. As jamaicanas vão encarar Colômbia, Alemanha ou Marrocos a seguir. Este duelo será às 5h de terça-feira (8), no Melbourne Rectangular Stadium.

França 6 x 3 Panamá

O outro jogo do Grupo F, realizado também às 8h, no Sydney Football Stadium, teve uma chuva de gols. A França assumiu o seu papel de favoritismo e confirmou a sua vaga nas oitavas de final. A campanha foi de duas vitórias e um empate.

Os gols franceses foram de Becho, Diani (três vezes), Le Garrec e Salazar (contra). Emily Cedeño, Pinzón e Marta Cox foram as responsáveis pelos tentos panamenhos.

As Le Bleus agora aguardam o próximo adversário, que virá do Grupo H. Colômbia, Alemanha ou Marrocos são os possíveis rivais nas oitavas.

O Panamá, com três derrotas em três jogos, se despede na lanterna e última posição do Grupo F.

Leandro Gaignoux
326 artigos
Graduado em 2013, Leandro é um jornalista apaixonado por esportes. Iniciou sua trajetória profissional na Super Rádio Tupi, do Rio de Janeiro, no Departamento de Esportes, em 2011, ainda como estagiário. Dois anos mais tarde, trabalhou na editoria de Cidade/Geral do Portal Manchete On-line. Desde 2017, atua como redator no fascinante mundo das apostas esportivas. Começou a colaborar para o Apostagolos em 2022.