18+ | Jogue com responsabilidade | Aplicam-se os Termos e Condições | Conteúdo comercial

Flamengo goleia o Olimpia novamente e vai às semifinais da Libertadores

O Flamengo de Renato Gaúcho goleia, goleia e goleia! Nesta quarta-feira, no Estádio Mané Garrincha, em Brasília, a vítima mais uma vez foi o Olimpia (PAR): 5 a 1 com gols de Gabigol (2), Bruno Henrique, Willian Arão e Salcedo (contra) e vaga na semifinal assegurada. Recalde marcou o gol de honra do Olimpia. Na semi, o Rubro-Negro enfrenta o vencedor do duelo entre Barcelona (EQU) e Fluminense, que se enfrentam no Equador nesta quinta-feira.

Saiba como apostar na Libertadores.

– Não temos que pensar na decisão. O objetivo é esse, mas temos uma semifinal pela frente. Não acho que o Flamengo seja favorito (ao título). Vamos respeitar Barcelona e Fluminense, e fizemos a nossa parte. Vamos esperar o adversário sabendo que é uma partida de 180 minutos e encontraremos dificuldade – disse o técnico Renato Gaúcho.

Sobre o jogo: o Flamengo voltou a vencer o Olimpia de forma muito tranquila. O primeiro tempo até foi equilibrado. O Rubro-Negro encontrou dificuldades em sair da marcação paraguaia. Finalizou apenas duas vezes e fez dois gols. Com Gabigol, após cruzamento de Rodinei. E com Bruno Henrique, de cabeça, após grande cruzamento de Arrascaeta. O Olimpia finalizou uma vez e fez um gol. No fim do primeiro tempo, encaixou um contra-ataque e Recalde marcou após deixar Diego Alves e Léo Pereira no chão.

No segundo tempo, o Flamengo subiu de produção. Willian Arão logo ampliou para 3 a 1 o placar. Após bate-rebate na área, ele completou para o gol sem goleiro. O Rubro-Negro chegou ao 4 a 1 com gol de Salcedo contra. E fechou o placar com um golaço. Diego recebeu de Vitinho na esquerda e cruzou com maestria para Gabigol marcar de cabeça.

– É importantíssimo para o grupo. Faz muitos gols, ajuda a equipe e procuro dar conselho, corrigir para que faça gols. É um dos jogadores que garante o emprego do treinador. É importante fazer gol não só de perna esquerda. Tem que chutar de direita, de cabeça… Espero continuar ajudando para seguirmos avançando nas competições. O Flamengo respeita todos os adversários, mas joga sempre para vencer e ser campeão. Para isso, precisamos de jogadores como o Gabigol – avaliou Renato Gaúcho.

Sobre as seguidas goleadas, Renato afirmou:

– Você não pode prever o futuro, mas a gente sempre trabalha para vencer. Falei para entrarmos ligados e 1 x 0 seria goleada. O grupo cria bastante e faz os gols, não desperdiça. O grupo é forte e foi montado para isso. Estamos disputando três competições e o objetivo é conquistar os títulos. Temos que pensar grande.

O Flamengo volta a campo neste domingo, às 16h, no Castelão (CE), para enfrentar o Ceará, pelo Brasileirão.

Outros trechos da entrevista de Renato Gaúcho

Adaptação ao Flamengo“Se é o Flamengo do Renato, eu não sei. Mas sei que onde trabalho, eu gosto de alegria, entrega e responsabilidade. Não deixo de cobrar do grupo nos treinos, nos jogos, mas é um grupo muito responsável. Temos o mesmo objetivo, que é buscar títulos. Seremos cobrados por todos e gostamos de responsabilidade e desafios”.

Reforços “É difícil falar que não tem mais espaço no grupo. Independentemente do elenco, todo reforço é bem-vindo. Quanto mais forte o grupo, mais chance teremos de conquistar. O Kenedy vai ser muito bem-vindo, conheço de 2014 no Fluminense, estava na Europa e tem muita qualidade”.

Intensidade“É uma exigência que faço ao meu grupo. Cobro muito. O maior respeito ao adversário é fazer o gol sem tirar onda, dar chapéu, caneta… Meu grupo é muito sério. Se tiver chance, tem que fazer gol. Quanto mais gol fizer, mais tranquilidade terá a equipe”.

Atlético-MG atropela o River Plate e vai às semifinais

O Atlético-MG não tomou conhecimento do River Plate, venceu por 3 a 0 no Mineirão com gols de Zaracho (2) e Hulk, e também passou às semifinais da Libertadores. O clube mineiro vai enfrentar o Palmeiras na semifinal. O Alviverde eliminou o São Paulo na terça-feira com uma vitória de 3 a 0, no Allianz Parque.