18+ | Jogue com responsabilidade | Aplicam-se os Termos e Condições | Conteúdo comercial

Após Kane se aproximar de recorde de gols, técnico da Inglaterra brinca: ‘Quero que quebre na final da Copa’

Harry Kane comemora mais um gol pela Inglaterra
Harry Kane comemora mais um gol pela Inglaterra. Foto: IMAGO / PA Images

Com o gol marcado na vitória da Inglaterra sobre a Suíça, no último sábado (26), o atacante Harry Kane se aproximou de um recorde. O jogador do Tottenham chegou a 49 gols pela seleção inglesa e está apenas cinco de superar Wayne Rooney como o maior artilheiro da história do English Team.

Saiba como apostar na Copa do Mundo

Após o jogo, o técnico da Inglaterra, Gareth Southgate, afirmou que o atacante saberá lidar com a pressão pela quebra desse recorde. Mas foi ambicioso ao ser questionado quando gostaria que o jogador alcançasse a marca: 

– Eu gostaria que ele quebrasse o recorde na final da Copa (risos) – brincou o treinador. 

A Inglaterra terá jogos preparatórios previstos até o início da Copa do Mundo, no final de novembro. Com a corrida de Kane pelo recorde, Southgate reconheceu que este será um tema dominante na seleção. Ele ainda demonstrou confiança na capacidade do atacante em lidar com a expectativa.  

– Ele parece o favorito para ir e quebrar o recorde. Eu não quero colocar nenhum tipo de maldição sobre isso. Acho que ele está bem tranquilo quanto a isso, está confiante de que pode chegar lá. Seu recorde de gols por jogo é fenomenalmente bom. Se ele não quebrar antes da Copa, vão dizer que ele está fora de forma. O foco estará nele, mas ele está acostumado com isso – concluiu Southgate. 

Nesta terça-feira (29), Harry Kane terá a primeira chance para se aproximar ainda mais do recorde. Em amistoso, a seleção inglesa enfrentará a Costa do Marfim, às 15h45 (de Brasília), no emblemático estádio de Wembley. 

CBF tentou marcar amistoso contra a Inglaterra

Seguindo o planejamento para a Copa do Mundo do Qatar, a Confederação Brasileira de Futebol (CBF) tentou marcar um amistoso contra a seleção da Inglaterra para o meio do ano. Apesar das tratativas, os ingleses recuaram por causa do apertado calendário europeu.  

Em entrevista à TNT Sports, Gareth Southgate lamentou a não realização do amistoso contra a seleção brasileira.  

– Queremos jogar contra os melhores times do mundo, e, sem dúvida, o Brasil está entre os melhores. Mas, infelizmente por conta do número de jogos que já temos, não foi possível. Lamento isso. Da maneira que o calendário tem sido organizado nos últimos tempos, não temos conseguido marcar muitos jogos contra times de fora da Europa – justificou o técnico. 

Leo Santos
850 artigos
Leonardo Santos é jornalista esportivo com passagens por gra ...

Artigos mais recentes