18+ | Jogue com responsabilidade | Aplicam-se os Termos e Condições | Conteúdo comercial

Vitor Roque se torna o brasileiro mais jovem a balançar a rede com a camisa do Barcelona

Vitor Roque comemora o seu primeiro gol pelo Barça
Vitor Roque comemora o seu primeiro gol pelo Barça. Foto: IMAGO / Xinhua

O atacante brasileiro Vitor Roque, de 18 anos, marcou nesta quarta-feira o seu primeiro gol com a camisa do Barcelona. Foi na vitória blaugrana sobre o Osasuna por 1 a 0, pela La Liga. Vitor se tornou o brasileiro mais jovem a balançar a rede com a camisa do Barça. Ele superou Ronaldo Fenômeno, que marcou pelo Barcelona com 19 anos, em 1996, e Fábio Rochemback, que também marcou com 19 anos.

Saiba como apostar em jogos de futebol

O gol foi muito bonito. Assistência perfeita de João Cancelo e cabeceio com muito oportunismo do brasileiro, que se antecipou ao goleiro.

– Muito feliz por marcar meu primeiro gol, e agora é seguir brigando pela liga (espanhola). É um sonho realizado marcar meu primeiro gol, no (estádio) Montjuic, com toda a torcida aqui. Fico muito feliz por tudo, pelo gol e pela vitória – disse o ex-jogador do Athletico-PR.

– Estou trabalhando dia a após dia para seguir ajudando ao máximo o Barcelona. Não imaginava que a torcida iria gritar meu nome, estou muito feliz por tudo – acrescentou.

Esse foi o sexto jogo de Vitor Roque com a camisa do Barcelona. Mas ele ainda não foi titular. Quem sabe na próxima partida. O jogador foi elogiado pelo técnico Xavi.

– Acho que ele se libertou. Vi que estava muito feliz. Hoje ele deu a vitória ao time e isso vai ser muito bom para eles. Ele trabalha, vai fundo, joga com calma e não se complica. Ainda é muito jovem e precisa de cuidados. Esse gol vai ser muito bom para sua confiança – afirmou o treinador.

O Barcelona é o quarto colocado do Campeonato Espanhol com 47 pontos, oito a menos que o líder, Girona.

Leo Santos
2641 artigos
Leonardo Santos é jornalista esportivo com passagens por grandes jornais do Brasil como Lance e Grupo Globo. Escreve para o Apostagolos desde 2021.