18+ | Jogue com responsabilidade | Aplicam-se os Termos e Condições | Conteúdo comercial

Seleção Brasileira joga mal e tropeça na Venezuela, em casa, pelas Eliminatórias

Neymar não brilhou, contra a Venezuela
Neymar não brilhou, contra a Venezuela. Foto: IMAGO / Pera Photo Press

A Seleção Brasileira decepcionou, nesta quinta-feira. Jogando na Arena Pantanal, em Cuiabá, teve uma atuação ruim e apenas empatou em 1 a 1 com a inexpressiva Venezuela, pelas Eliminatórias Sul-Americanas para a Copa do Mundo. Gabriel Magalhães, de cabeça, fez o único gol do Brasil. Eduard Bello, de bicicleta, empatou no fim para os venezuelanos, que comemoraram muito o resultado. Para se ter uma ideia da zebra… Brasil e Venezuela se enfrentaram 19 vezes em Eliminatórias com 17 vitórias do Brasil e, agora, dois empates.

Saiba como apostar em jogos de futebol

A Seleção Brasileira teve mais a bola (bem mais, aliás) e criou mais chances. Mas a pontaria não estava afiada. Neymar, por exemplo, perdeu duas chances claras. Muito empenhada em conseguir o gol (que só saiu na bola parada), o Brasil acabou cedendo espaços ao adversário, principalmente no segundo tempo. A Venezuela assustava nos contra-ataques e foi em um desses que saiu o empate.

Savarino recebeu na direita com liberdade, cruzou e Bello fez uma pintura. Girou bonito para acertar uma bela bicicleta, sem chances para o goleiro Ederson.

A torcida de Cuiabá ficou dividida. Alguns torcedores aplaudiram, outros vaiaram a Seleção. Um torcedor, revoltado, atirou uma pipoca no craque Neymar, que também se revoltou e xingou o torcedor. Na zona mista, ele falou sobre o assunto.

– É triste, obviamente é muito triste, não venho aqui de férias, muito menos para passear, vim fazer o que eu mais amo, que é jogar futebol e defender meu país – disse Ney.

– Obviamente, a gente está ali fazendo nosso melhor, dando nosso melhor, e muitas vezes o resultado não vem, não é o que o torcedor espera. Esse torcedor arremessou… Eu nem vi o que foi, só vi na hora que pegou em mim, fiquei bem nervoso, esse tipo de atitude eu condeno, não tem que fazer, é muito ruim para o futebol, para o ser humano. Um cara que faz esse tipo de coisa não é um cara educado, não vai conseguir educar seu filho da melhor maneira possível. Se ele reclama tanto, deveria ter treinado melhor e estar dentro de campo, não eu – acrescentou.

A Seleção Brasileira volta a campo na terça-feira para enfrentar o Uruguai, em Montevidéu. O Brasil é o segundo colocado das Eliminatórias com sete pontos em três jogos. A Argentina lidera com nove. Os hermanos venceram todos os jogos até aqui.

Os resultados da terceira rodada

Colômbia 2 x 2 Uruguai

Bolívia 1 x 2 Equador

Argentina 1 x 0 Paraguai

Chile 2 x 0 Peru

Leo Santos
2638 artigos
Leonardo Santos é jornalista esportivo com passagens por grandes jornais do Brasil como Lance e Grupo Globo. Escreve para o Apostagolos desde 2021.