18+ | Jogue com responsabilidade | Aplicam-se os Termos e Condições | Conteúdo comercial

Palmeiras vence o São Paulo, de virada, e se isola na liderança do Brasileirão

Jogadores do Palmeiras comemoram a grande vitória sobre o São Paulo
Jogadores do Palmeiras comemoram a grande vitória sobre o São Paulo. Foto: IMAGO / TheNews2

Que temporada espetacular faz o Palmeiras! Na noite desta segunda-feira, virou pra cima do São Paulo, no Morumbi, com dois gols nos últimos minutos e conquistou mais uma vitória no Campeonato Brasileiro. O triunfo de 2 a 1 no clássico coloca o Alviverde com 28 pontos (liderança isolada com três pontos de vantagem para o vice-líder, Corinthians). Os gols da vitória sobre o São Paulo foram marcados pelos zagueiros Gómez e Murilo.

Saiba como apostar na Copa Libertadores

Foi um clássico com dois tempos distintos. No primeiro, o São Paulo mandou. Teve várias chances para marcar, mas só aproveitou uma com Patrick. No segundo tempo, foi o Palmeiras que pressionou. E no abafa conseguiu a virada. Aos 44 minutos, com um belo gol de cabeça de Gómez e aos 50 minutos com finalização de Murilo.

– A primeira parte foi um jogo equilibrado, o São Paulo teve sorte de fazer aquele gol e faz parte do jogo. Tivemos nossas oportunidades claras e não conseguimos fazer. Na segunda parte arriscamos. Mesmo que não tivéssemos vencido sairíamos satisfeitos com o desempenho e a atitude. Pedimos que deem tudo que podem. Sabemos que não vamos ganhar sempre, mas felizmente conseguimos dar a volta. Dar os parabéns aos jogadores pela capacidade mental em um estádio muito difícil. Todas equipes têm grande dificuldades, só uma equipe ganhou aqui (em 2022), e fomos nós. Eles deram tudo e acreditaram até o fim na vitória – opinou João Martins, auxiliar técnico do Palmeiras. Ele comandou o Alviverde na beira do campo porque Abel Ferreira testou positivo para a Covid.

No lado do São Paulo, muitas lamentações. O técnico Rogério Ceni falou sobre a derrota.

– Estou inconformado pelo resultado na circunstância que aconteceu, amanhã (hoje) quero trabalhar e tentar reconstruir. Não falei com os jogadores, também só rezaram. Não tinha clima para falar, era hora de esfriar a cabeça e tem dias que é melhor não falar nada. Não consegui falar aqui, não tinha o que falar. Cada um para a sua casa, e amanhã fazer uma análise mais fria sobre tudo – afirmou Ceni.

São Paulo e Palmeiras voltam a se enfrentar nesta quinta-feira, às 20h, no Morumbi. Desta vez, é o jogo de ida das oitavas de final da Copa do Brasil.

Veja como ficou a tabela do Campeonato Brasileiro:

Leo Santos
856 artigos
Leonardo Santos é jornalista esportivo com passagens por gra ...

Artigos mais recentes