18+ | Jogue com responsabilidade | Aplicam-se os Termos e Condições | Conteúdo comercial

Palmeiras vence o Athletico-PR e conquista a Recopa pela primeira vez

Palmeiras levanta a taça da Recopa Sul-Americana
Palmeiras levanta a taça da Recopa Sul-Americana. Foto: Divulgação / Palmeiras

O Palmeiras segue empilhando taças. Nesta quarta-feira venceu o Athletico-PR por 2 a 0, no Allianz Parque, e conquistou a Recopa Sul-Americana pela primeira vez. Zé Rafael, de falta, e Danilo marcaram os gols da equipe do técnico Abel Ferreira. Como empatou o jogo de ida por 2 a 2, em Curitiba, o Alviverde jogava por uma simples vitória para ficar com o título inédito.

Saiba como apostar na Conmebol Libertadores

Não foi um jogo fácil para o Palmeiras, mas o time paulista esteve com a partida sob controle desde o início. Em nenhum momento passou pela cabeça dos palmeirenses que a derrota poderia acontecer.

Zé Rafael abriu o placar para o Palmeiras logo aos cinco minutos em uma belíssima cobrança de falta. No fim do jogo, o ótimo Danilo deu números finais ao placar.

Além do troféu, o quarto da Era Abel Ferreira, o Palmeiras leva para casa a premiação de R$ 8,2 milhões. O Athletico-PR, vice-campeão, ficou com R$ 4,1 milhões.

Curou a ressaca: O Palmeiras vinha do vice-campeonato mundial para o Chelsea. Na ocasião, o Alviverde colocou no bolso R$ 21 milhões de premiação.

Pelo lado do Athletico-PR teve reclamação. O técnico Alberto Valentim não gostou da comemoração do rival, Abel Ferreira.

– Desnecessário. Chutou uma água em nós. Não entendi. Que tipo de comemoração é essa? Tem que perguntar pra ele sobre essa idiotice – disse.

Bom, a torcida do Palmeiras, que não tem nada com isso, fez a festa no Allianz. Foram mais de 30 mil torcedores presentes.

Vasco vence a Ferroviária no sufoco e se classifica na Copa do Brasil

O Vasco sofreu, mas se classificou na Copa do Brasil. O Cruz-Maltino venceu a Ferroviária (SP) por 1 a 0, fora de casa, com gol de Raniel, de cabeça (passe de Nenê), e passou para a Segunda Fase. A atuação do time do técnico Zé Ricardo, no entanto, preocupou a torcida vascaína. O Vasco foi sufocado pela Ferroviária, que teve mais de 20 finalizações contra apenas 3 do clube carioca. A posse de bola do time do interior paulista também foi muito maior.

Leo Santos
850 artigos
Leonardo Santos é jornalista esportivo com passagens por gra ...

Artigos mais recentes