18+ | Jogue com responsabilidade | Aplicam-se os Termos e Condições | Conteúdo comercial

Neymar xingou presidente da CBF e ameaçou não jogar pela Seleção contra o Uruguai, diz jornalista

Neymar teria arrumado confusão com o presidente da CBF
Neymar teria arrumado confusão com o presidente da CBF. Foto: IMAGO / Fotoarena

Crise na Seleção Brasileira? Parece que o empate, em casa, em 1 a 1, contra a Venezuela, pelas Eliminatórias Sul-Americanas para a Copa do Mundo, conturbou o ambiente. De acordo com informações do jornalista José Carlos Araújo, o craque Neymar se revoltou após ter sido atingido por um balde de pipoca na saída do campo da Arena Pantanal e xingou muito o presidente da CBF, Ednaldo Rodrigues.

Saiba como apostar em jogos de futebol

Neymar disse ao presidente, aos gritos, que ele não deveria ter levado a Seleção Brasileira para “aquele lugar”. Leia-se Cuiabá. O craque do Al-Hilal chegou a ameaçar a não jogar contra o Uruguai. Logo, chegou a turma do “deixa disso” e amenizou a situação. Ainda segundo José Carlos Araújo, o momento foi filmado, mas não divulgado.

Diz José Carlos Araújo que a ideia era que Ednaldo Rodrigues e Neymar concedessem uma entrevista coletiva para negar o caso, mas Ney se recusou. Até o momento, ninguém se pronunciou oficialmente sobre o assunto.

É neste ambiente conturbado que a Seleção Brasileira enfrenta o Uruguai, nesta terça-feira, em Montevidéu, pela quarta rodada das Eliminatórias. O Brasil é o segundo colocado com sete pontos, dois atrás da Argentina.

Leo Santos
2635 artigos
Leonardo Santos é jornalista esportivo com passagens por grandes jornais do Brasil como Lance e Grupo Globo. Escreve para o Apostagolos desde 2021.