18+ | Jogue com responsabilidade | Aplicam-se os Termos e Condições | Conteúdo comercial

‘Me incomoda, mas não me afeta’, responde Daniel Alves sobre críticas

Daniel Alves será titular nesta sexta
Daniel Alves será titular nesta sexta. Foto: Lucas Figueiredo / CBF / Divulgação

O experiente lateral-direito Daniel Alves, que teve a sua convocação contestada por muitos, fará a sua estreia na Copa do Mundo do Catar nesta sexta-feira na partida entre Brasil e Camarões. O jogo está marcado para às 16h (horário de Brasília). E Dani não fugiu das perguntas. Ao ser questionado se as críticas incomodam, ele respondeu:

Saiba como apostar na Copa do Mundo do Catar

– Historicamente na Seleção alguém teve que pagar a conta. Se eu estivesse no Barcelona dificilmente esse debate aconteceria. Eles erraram, porque foram colocar na conta de quem mais tem argumentos para pagar. Me incomoda, mas não me afeta. Não sou masoquista, não quero que as pessoas falem de mim sem ao menos saber da minha dedicação. É fácil para elas fazerem isso, por isso é fácil pra mim aceitar ou não… Prefiro ir por outro caminho, que é entregar meu melhor.

– É normal que as pessoas contestem pela idade, por não estar no melhor momento, mas a Seleção e a Copa não é somente estar no melhor momento no clube. É estar no melhor momento dentro da Seleção. E isso que procurei fazer desde 2003, quando cheguei à Seleção pela primeira vez – acrescentou.

Sobre estar sendo pouco utilizado pelo técnico Tite, ele disse:

– Minha missão na Seleção é entregar o meu melhor em prol da Seleção. Temos 26 jogadores com a mesma capacidade de executar, mas cada momento temos um plano, e a cada momento tenho que seguir o plano. Acho que nos dois jogos que não estive o time necessitava, na minha posição, de melhor defesa. Eu sou um bom ataque (risos). Esse é o plano. Saber como joga o time e o que vai demandar do seu serviço. Estou à serviço da Seleção. Se for para tocar pandeiro, vou ser o melhor pandeirista que existe.

Aos 39 anos, Daniel Alves se tornará o jogador mais velho a disputar uma partida de Copa do Mundo pela Seleção Brasileira.

– Representa o fato de vestir a camisa da Seleção Brasileira. Não importa a competição, se é amistoso, o que importa é representar o país em uma competição tão grandiosa como a Copa do Mundo. Para mim é motivo de orgulho. São muitos anos de história e poder encerrar esse ciclo jogando uma Copa do Mundo é uma satisfação muito grande – finalizou
Dani.

A Seleção Brasileira, já classificada para as oitavas de final, entra em campo contra Camarões assim: Ederson, Daniel Alves, Éder Militão, Bremer e Alex Telles; Fabinho, Fred (Bruno Guimarães) e Rodrygo; Antony, Gabriel Jesus (Pedro) e Martinelli.

Leo Santos
1173 artigos
Leonardo Santos é jornalista esportivo com passagens por gra ...

Artigos mais recentes

Vinicius Júnior chega a 200 jogos com a camisa do Real Madrid

Lesão pode tirar Mbappé do jogo do PSG contra o Bayern, pela Champions

Betfair vira patrocinadora master do Cruzeiro