18+ | Jogue com responsabilidade | Aplicam-se os Termos e Condições | Conteúdo comercial

Manchester United anuncia o retorno de Cristiano Ronaldo

Uma grande surpresa nos últimos dias da janela de transferências da Europa. O craque português Cristiano Ronaldo, de 36 anos, que estava perto do Manchester City, foi anunciado nesta sexta-feira (27/08) como reforço pelo Manchester United. Ele deixa a Juventus (ITA) e volta ao clube pelo qual brilhou por muitos anos. Após os exames médicos, CR7 assinará por duas temporadas com o United e custará aos cofres do clube 15 milhões de euros (cerca de R$ 92 milhões). Esse valor pode subir mais 8 milhões de euros (cerca R$ 49 milhões) caso todas as metas sejam atingidas.

Saiba como apostar na Liga dos Campeões.

Cristiano se despediu dos companheiros de Juventus na manhã desta sexta. Em entrevista coletiva, o técnico da Velha Senhora, Massimiliano Allegri, confirmou que o jogador pediu para deixar o clube. Quando tudo indicava que CR7 fecharia com o Manchester City, veio a reviravolta. Também em entrevista coletiva, o técnico dos citizens, Pep Guardiola, afirmou que o acordo com Cristiano estava mais distante. Pouco tempo depois, veio a grande surpresa. Cristiano Ronaldo foi anunciado como reforço pelo Manchester United. Ole Günnar Solskjaer, técnico dos Diabos Vermelhos, pouco antes, abriu as portas para o jogador.

“Todos no clube estão ansiosos para receber Cristiano de volta a Manchester”, disse o Manchester United em nota oficial.

Revelado pelo Sporting, de Portugal, Cristiano Ronaldo foi contratado pelo Manchester United quando tinha apenas 18 anos, na temporada 2003/04. Foram seis anos de muitos gols e títulos. Foram nove troféus no total (sendo três edições do Inglês, a Champions League de 2007/08 e o Mundial de Clubes de 2008). CR7 foi contratado pelo Real Madrid em 2009 e seguiu o seu ritmo avassalador de gols e conquistas.

Nas redes sociais, Cristiano se despediu da Juventus, clube pelo qual conquistou quatro títulos: dois Italianos, uma Copa da Itália e uma Supercopa da Itália.

“Hoje eu despeço de um clube incrível, o maior da Itália e com certeza um dos maiores da Europa. Dei meu coração e minha alma pela Juventus e vou sempre amar a cidade de Turim até meus últimos dias. Os “tiffosi bianconeri” sempre me respeitaram e eu tentei agradecer por esse respeito lutando por eles em cada jogo, cada temporada, cada competição. No fim, nós podemos olhar para trás e perceber que nós alcançamos coisas grandes. Não tudo que queríamos, mas ainda assim escrevemos uma bonita história juntos (…) Sempre serei um de vocês. Vocês são parte da minha história, como eu sinto que sou parte de vocês. Itália. Juve. Turim, tiffosi bianconeri, vocês sempre estarão no meu coração”, disse o jogador.

Cristiano, a princípio, não poderá usar a camisa 7 na Premier League. O atacante uruguaio Edinson Cavani já foi inscrito com o número. A 7 só poderá ser do português na competição, caso Cavani deixe o clube.

Com a chegada de Cristiano, deixamos aqui uma provável escalação do Manchester United para a temporada: De Gea, Wan-Bissaka, Varane, Maguire e Luke Shaw; Matic, Pogba e Bruno Fernandes; Sancho, Rashford e CR7.

Um fortíssimo time capaz de brigar até pelo título da Champions League. Aguardemos para ver se “dá liga”!