18+ | Jogue com responsabilidade | Aplicam-se os Termos e Condições | Conteúdo comercial

Mãe de Mancini, técnico da Itália, diz que convocaria Balotelli para a repescagem europeia

Balotelli é um dos destaques do Adana Demirspor, da Turquia
Balotelli é um dos destaques do Adana Demirspor, da Turquia. Foto: IMAGO / Seskim Photo

Isso que dá não ouvir os conselhos de mãe. Marianna Puolo, mãe do técnico Roberto Mancini, da seleção italiana, disse em entrevista a uma rádio do país que teria chamado Mario Balotelli para o jogo decisivo contra a Macedônia do Norte. Vale lembrar que seu filho não convocou o atacante nas últimas partidas da Azzurra.  

Saiba como apostar na Copa do Mundo

Na última quinta-feira (24), a Itália acabou sendo eliminada ainda no primeiro duelo da repescagem europeia. A Azzurra perdeu por 1 a 0 para a Macedônia do Norte, com gol de Aleksandar Trajkovski, nos acréscimos, em pleno Estádio Renzo Barbera, em Palermo-ITA. Com o resultado, a equipe comandada por Mancini está fora da Copa do Mundo pela segunda consecutiva.  

Com a surpreendente eliminação, Marianna afirmou que teria convocado Balotelli para a partida decisiva da repescagem.  

– Poderia ter sido melhor, mas isso é futebol, às vezes as coisas dão certo e às vezes as coisas dão errado. Tínhamos a partida em nossas mãos, mas o ataque não foi bem. Eu teria chamado Balotelli, porque ele tem uma força física incrível e na frente do gol ninguém pode detê-lo – disse a mãe do treinador italiano, que também elegeu um culpado pelo fracasso.  

– Infelizmente, erros como o de Jorginho nos custaram (a vaga na Copa do Mundo). Eu não quero apontar meu dedo para ele porque certamente não fez de propósito, mas se você perde dois pênaltis… – completou. 

É bom lembrar que o brasileiro naturalizado italiano desperdiçou um pênalti em cada partida contra a Suíça, que empatou duas vezes com a Itália e garantiu a primeira colocação em seu grupo, conquistando a vaga direta na Copa do Qatar.  

Seleção boliviana está interessada na contratação do argentino Marcelo Bielsa 

Apesar de não ter mais chances de classificação para a Copa do Mundo, a Bolívia já começou a planejar o próximo ciclo. Fernando Costa, presidente da Federação Boliviana de Futebol, revelou o interesse na contratação do técnico argentino Marcelo Bielsa.  

 – Estamos em contato, não vou negar. Ainda não falamos diretamente com ele, mas estamos próximos de fazer isso. Queremos dar todo o apoio a ele. Sabemos que a Bolívia tem muito talento e não está longe de participar de uma Copa – afirmou o presidente, em declarações ao jornal espanhol “As”. 

Recentemente, “El Loco” deixou o comando técnico do Leeds, da Inglaterra. Antes do clube inglês, ele já dirigiu duas seleções sul-americanas: Argentina e Chile. Atualmente, o venezuelano César Farías é o técnico da Bolívia.  

Na próxima terça-feira (29), a seleção boliviana enfrenta o Brasil, no estádio Hernando Siles, em La Paz, às 20h30 (horário de Brasília). A Bolívia é a atual nona colocada das Eliminatórias Sul-Americanas e não tem mais chances de classificação para a Copa do Mundo do Qatar.   

Leo Santos
850 artigos
Leonardo Santos é jornalista esportivo com passagens por gra ...

Artigos mais recentes