18+ | Jogue com responsabilidade | Aplicam-se os Termos e Condições | Conteúdo comercial

KTO entende que futebol é o forte das apostas no Brasil, diz site

KTO - setembro - 2022

Entre as maiores casas de apostas em operação no Brasil, a KTO entende que o público local está mesmo focado na paixão nacional: o futebol. Essa e outras percepções da marca sobre a indústria de apostas estão na entrevista do CEO e fundador da KTO, Andreas Bardun, em entrevista exclusiva publicada pelo portal iGaming Brazil.

Regulamentação

De acordo com Bardun, o mercado brasileiro vem crescendo, mas a expectativa é que a regulamentação do segmento só aconteça, de fato, após este ano eleitoral, ou seja, no início de 2023.

Para a KTO, a regulação é importante para que as operadoras criem empregos e invistam ainda mais nas operações no país, assim como no marketing.

Além disso, Bardun destaca que as empresas sérias poderão ajudar a reduzir alguns problemas que podem ser consequência das apostas, como manipulação de resultados e jogos de forma não responsável.

Em conclusão, com uma regulação adequada, os consumidores podem ser mais protegidos.

Saiba mais: Decreto das apostas esportivas agrada e dará segurança aos apostadores, diz especialista

Mercado de apostas no Brasil

Na entrevista ao site iGaming Brazil, o CEO da KTO, Andreas Bardun, ressalta que, ao contrário do que acontece em outros países, as apostas no Brasil estão realmente concentradas no futebol. Em outros territórios, a KTO avalia que há, no mínimo, duas ou três modalidades esportivas que dividem as atenção dos apostadores.

Adicionalmente, a KTO avalia que o Brasil ainda não se apresenta como um mercado tão maduro como o de países em que há regulamentação.

Leia também:

Copa do Mundo 2022

Segundo a KTO, a Copa do Mundo de 2022 deve impulsionar o crescimento do segmentos de apostas, que vai alcançar um novo patamar. O representante da plataforma também informou que a marca desenvolve uma campanha muito grande e secreta para a Copa do Catar, que deve “despertar o interesse de todos”.

Leia também: Parcerias entre casas de apostas e times de futebol se consolidam no Brasil, que é líder no ramo

Marcela Medeiros
98 artigos
Marcela Medeiros é jornalista da área de economia há 10 anos. Trabalhou em grandes veículos de comunicação no Rio de Janeiro, como os jornais Ex ...

Artigos mais recentes