18+ | Jogue com responsabilidade | Aplicam-se os Termos e Condições | Conteúdo comercial

Ídolo do Manchester United comenta reserva de Casemiro: ‘McTominay recebeu a oportunidade e aproveitou’

Casemiro começou no banco de reservas contra o City
Casemiro começou no banco de reservas contra o City. Foto: IMAGO / Sportimage

Casemiro trocou o Real Madrid pelo Manchester United nos últimos momentos da última janela de transferências do futebol europeu e surpreendeu o mercado da bola. A segunda surpresa envolvendo o jogador é o fato de o volante da seleção brasileira, multicampeão pelo time espanhol, não ter conseguido um lugar na equipe titular dos Red Devils.

Silvestre, ídolo do Manchester United, em entrevista exclusiva ao site “Apostagolos”, comentou o momento da equipe neste início de temporada. Entre as questões, o fato de Casemiro ser preterido pelo atual volante titular, Scott McTominay.

Saiba como apostar na Champions League

Para o francês, que atuou pelo United entre 1999 e 2008, somando 249 partidas, Scott McTominay teve a chance de atuar como titular e soube aproveitá-la, não dando espaço para o brasileiro, até o momento:

– Muitas pessoas devem pensar que ele não deveria ser a primeira opção, especialmente quando você tem Casemiro e Fred para atuar na mesma posição. Mas a verdade é que não tem tido tanta competição pela posição assim e quando ele recebeu a oportunidade, aproveitou.

A entrada de Casemiro no time se tornou ainda mais difícil depois que o técnico Erik ten Hag passou a escalar a equipe com dois homens de criação no meio de campo: Bruno Fernandes e Eriksen. Para Silvestre, McTominay é quem se adapta melhor às necessidades do time no momento.

– Ele está indo bem naquilo que ele sabe mais, que é ser forte na marcação um a um, fazendo os desarmes e jogando simples em seguida. Porque, quando você tem Bruno e Eriksen no time, o outro jogador no meio de campo não precisa ser criativo. Ele se encaixa no esquema e não precisa ser sobrecarregado com outras funções – explicou ao “Apostagolos”.

Para Casemiro, isso tem sido ruim. O volante brasileiro acumula pouco tempo em campo pelo Manchester United. Na última partida do time, a derrota para o Manchester City por 6 a 3, o jogador esteve em campo por 31 minutos, entrando no segundo tempo.

Essa tem sido a tônica do titular da seleção de Tite na Inglaterra até o momento. Casemiro soma seis partidas pela equipe do Old Trafford. Em cinco delas, saiu do banco de reservas. Ele foi titular em apenas um jogo pela Europa League. O resultado foi negativo e pode ter dificultado sua presença no time. Na ocasião, o United perdeu por 1 a 0 para o Real Sociedad (ESP), em Manchester.

Quando foi contratado, a expectativa era de que Casemiro fosse titular e ainda por cima pudesse repetir no novo time a parceria bem sucedida que faz com Fred na seleção brasileira. Eles jogam juntos na equipe pentacampeã e possuem boas chances de começarem a Copa do Catar, em novembro, como titulares. Entretanto, não é o que tem acontecido. Na verdade, ambos têm sido parceiros, mas só que no banco de reservas.

Ainda assim, a temporada está apenas no começo e Casemiro estará envolvido em breve com a principal competição do ano, a Copa do Mundo do Catar. Para Silvestre, ele ainda deverá ganhar mais minutos em campo ao longo da temporada pelo Manchester United. Ainda assim, o quanto ele estará envolvido com a seleção brasileira nos próximos meses deve pesar também para seu aproveitamento na Inglaterra.

– O ponto para mim é a administração do tempo de jogo dos jogadores e suas viagens com as seleções. Não estou certo de que McTominay estará à serviço da seleção da Escócia (o país não se classificou para o Mundial no Oriente Médio). Eu acredito que esse é um elemento a ser levado em consideração na decisão de quem será o titular. Com ele em forma, deve seguir começando as partidas – afirmou Silvestre.

Diana Figueiredo
174 artigos
Diana Figueiredo é jornalista há mais de 15 anos, carioca e, atualmente, mora em Paris, na França Trabalhou no Jornal Extra e no Jornal O Globo de ...