18+ | Jogue com responsabilidade | Aplicam-se os Termos e Condições | Conteúdo comercial

Gabriel Jesus relembra o dia em que Guardiola o fez chorar no Manchester City

Gabriel Jesus e Guardiola no City
Gabriel Jesus e Guardiola no City. Foto: IMAGO / Pro Sports Images

O atacante Gabriel Jesus, hoje no Arsenal, tem uma ótima relação com o técnico espanhol Pep Guardiola, que o comandou por muitos anos no Manchester City. Mas, em entrevista ao podcast do ex-jogador Denílson, relembrou o dia em que Pep o fez chorar. Foi na temporada 2021/22, antes da partida contra o PSG, pela fase de grupos da Champions League.

Conheça novas casas de aposta

– Coisa de louco. Um dia antes, ele não o colocou para treinar lá (no ataque). Eu estava treinando de atacante. O Zinchenko até brinca comigo: ‘Fiquei mal por você’. Duas horas antes do jogo tem a palestra, ele dá o time, depois a gente come, descansa e vai para o jogo – começou por dizer Jesus.

– Ele deu o time. Eu nem comi. Fui direto para o quarto, chorando, liguei para minha mãe: ‘Quero ir embora. Vou para casa – acrescentou.

Gabriel Jesus ficou tão chateado que nem aqueceu direito com os reservas. Bom. Ele acabou entrando e decidindo a partida.

– Eu falei: ‘Vou segurar’. O jogo virou 0 a 0 (no intervalo). Com cinco minutos (segundo tempo), Mbappé fez o gol. Aí ele me chamou. Aí eu entrei, fiz assistência e fiz um gol e viramos. No outro jogo, pensei que ia jogar e não joguei. Então, tinha muito essa parada com ele. E não é fácil. É muito difícil. Mas o cara evolui, né? – disse o atacante.

Jesus destacou que esse foi o único atrito que teve com Pep Guardiola ao longo de todos esses anos:

– O único atrito que tive com o Guardiola foi esse, de esperar, de ter que não se importar de não tocar na bola, de não participar do jogo. Ele sempre me pedia isso, e isso me incomodava. Teve jogo que toquei três vezes na bola no primeiro tempo. Eu ficava maluco. Mesmo se fosse um hat-trick, eu fico maluco. Eu quero jogar, eu quero estar envolvido.

Com a camisa do Manchester City, Gabriel Jesus conquistou muitos títulos: 11. Entre eles, quatro Campeonatos Ingleses. Foram 95 gols em 236 jogos.

Leo Santos
2732 artigos
Leonardo Santos é jornalista esportivo com passagens por grandes jornais do Brasil como Lance e Grupo Globo. Escreve para o Apostagolos desde 2021.

Artigos mais recentes

Cesc Fàbregas assume como técnico do Como, da Itália

Antônio Carlos Zago não é mais o técnico da seleção boliviana