18+ | Jogue com responsabilidade | Aplicam-se os Termos e Condições | Conteúdo comercial

Flamengo vence e garante classificação para as oitavas de final da Libertadores

Pedro marcou o terceiro gol do Flamengo no jogo
Pedro marcou o terceiro gol do Flamengo no jogo. Foto: IMAGO / TheNews2

O Flamengo venceu a Universidad Católica (CHI) nesta terça-feira, no Maracanã, por 3 a 0 (gols de Willian Arão, Everton Ribeiro e Pedro), e garantiu a classificação para as oitavas de final da Conmebol Libertadores. De quebra, deixa a crise um pouco de lado e o técnico Paulo Sousa ganha um pouco mais de tranquilidade para trabalhar.

Saiba como apostar na Conmebol Libertadores

Apesar da pressão da torcida, o Flamengo venceu a Católica de forma muito tranquila. Criou muitas oportunidades e poderia ter saído do jogo com um placar muito mais elástico. Somente Gabigol perdeu uns dois gols cara a cara com o goleiro.

Os dois primeiros gols saíram no primeiro tempo. Willian Arão abriu o placar de cabeça, após escanteio cobrado da direita. Everton Ribeiro ampliou também de cabeça. Matheuzinho cruzou, Bruno Henrique ajeitou e o Miteiro completou de peixinho.

O terceiro gol saiu no final da partida. Pedro, que entrara no lugar de Gabigol, tirou a zaga da Universidad Católica para dançar e fuzilou o goleiro de canhota: 3 a 0 e festa da torcida rubro-negra.

Pouco antes, vale frisar, Pedro, assim como Gabi, perdeu um gol inacreditável. Mérito do goleiro da equipe chilena também por ter operado um milagre.

– Sinto-me com mais energia do que nunca. Estou com bastante energia. Eu paguei para estar nesse clube e eu vou ser feliz nesse clube. Não tenho dúvidas. Por quê? Porque os nossos jogadores assim o demonstram – disse o técnico Paulo Sousa, aliviado com a vitória.

O treinador também saiu em defesa do goleiro Hugo, que foi bastante vaiado pelos torcedores durante a partida.

– Vamos tentar ser um bocadinho honestos. Vamos ver o percurso do Hugo e o crescimento técnico do goleiro. Procurem ser analistas e vejam o crescimento dele, um menino de 23 anos, com uma torcida e uma pressão que o Flamengo exerce, que é grande. Ver o crescimento emotivo, a capacidade de controle emotivo dos jogos que ele tem tido tem sido extraordinária, para um menino de 23 anos. Hoje percebeu-se perfeitamente que o impacto foi grande, e o grupo quis dizer que está com ele. No dia a dia é exatamente isso que passa – afirmou.

Por fim, falou sobre a situação do goleiro Diego Alves, que não ficou nem no banco de reservas.

– Aqui os processos não são assim, os jogadores para jogar têm que treinar. E ele não treinou nenhum dia desde o jogo contra o Botafogo, por isso não podia estar relacionado – finalizou.

Com a vitória sobre a Universidad Católica, o Flamengo chegou a 13 pontos e lidera o Grupo H com folga. São cinco de vantagem para o Talleres, da Argentina, que também está classificado para as oitavas.

O Rubro-Negro volta a campo neste sábado, às 16h30, no Maracanã, para enfrentar o Goiás, pelo Campeonato Brasileiro.

Leo Santos
865 artigos
Leonardo Santos é jornalista esportivo com passagens por gra ...

Artigos mais recentes