18+ | Jogue com responsabilidade | Aplicam-se os Termos e Condições | Conteúdo comercial

Copa América: Seleção Brasileira vai enfrentar o Chile nas quartas de final

A Seleção Brasileira conheceu nesta segunda-feira o seu adversário nas quartas de final da Copa América. Será o Chile, que terminou a fase de grupos na quarta colocação do Grupo A. O jogo será disputado nesta sexta-feira, às 21h, no Estádio Nilton Santos (Engenhão), no Rio de Janeiro.

O advérsário da Seleção poderia ser o Uruguai. Mas os uruguaios venceram ontem o Paraguai por 1 a 0, no Engenhão, com gol de Cavani, e garantiram a segunda colocação do Grupo A. Eles enfrentam a Colômbia.

Copa América
O Uruguai, do craque De Arrascaeta, venceu o Paraguai e garantiu a classificação em segundo do Grupo A

Também ontem, a Argentina goleou a Bolívia por 4 a 1 na Arena Pantanal com gols de Messi (2), Papu Gómez e Lautaro Martínez e garantiu a classificação na primeira colocação do Grupo A. Os hermanos vão enfrentar o Equador nas quartas de final.

Abaixo, todos os confrontos

Peru x Paraguai – 02/07 – Olímpico (GO) – 18h

Brasil x Chile – 02/07 – Engenhão – 21h

Uruguai x Colômbia – 03/07 – Mané Garrincha – 19h

Argentina x Equador – 03/07 – Olímpico (GO) – 22h

Provável desfalque

O lateral-esquerdo Renan Lodi, com um trauma na bacia, não deve jogar pela Seleção Brasileira contra o Chile, nas quartas de final. Ele se machucou no empate em 1 a 1 contra o Equador, e a lesão foi confirmada nesta segunda-feira. Ele, no entanto, não deve ser cortado. A única opção de Tite para a posição é Alex Sandro, da Juventus. Danilo pode jogar improvisado na posição.

Tite fala sobre o respeito dos outros técnicos pela Seleção Brasileira

O diálogo de Tite com o técnico da seleção do Equador, Gustavo Alfaro, após a partida entre as duas seleções, chamou a atenção. Nele, Alfaro disse a Tite:

– Siga lutando porque é sua (a taça) e você vai terminar campeão da Copa do Mundo. Lembre-se do que te digo, você dignifica isso [a classe de técnicos]. Por favor, te peço isso, por favor.

O técnico da Seleção Brasileira falou sobre o respeito que os outros treinadores têm pela Seleção Brasileira:

– Os técnicos das seleções são formadores de opiniões. São centrados, são educados, têm um nível técnico pessoal e profissional muito elevado. E poderiam inclusive… se a Conmebol entendesse dar opiniões importantes para que a competição pudesse ser melhor. Ouvi-los. Ouvir os técnicos que já passaram por seleções, que já foram campeões do mundo, para que tenhamos um futebol melhor. Evoluído. Ouvir essa situação toda. Então quando vem esse respeito, eticamente, ele vem com um respeito muito grande. Ele é recíproco não só de resultado, mas da conduta de cada um. E os técnicos todos eles têm essa característica de respeito, da dignidade da profissão, das pressões.