18+ | Jogue com responsabilidade | Aplicam-se os Termos e Condições | Conteúdo comercial

Após ser preso, Daniel Alves tem o seu contrato rescindido pelo Pumas, do México

Daniel Alves foi dispensado pelo Pumas
Daniel Alves foi dispensado pelo Pumas. Foto: IMAGO / ZUMA Wire

Acusado de agressão sexual e preso em Barcelona, o lateral-direito brasileiro Daniel Alves, de 39 anos, teve o seu contrato rescindido por justa causa pelo Pumas, do México, na última sexta-feira. Leopoldo Silva, presidente do clube, foi quem comunicou a decisão. Dani Alves chegou ao Pumas em julho do ano passado e fez apenas 13 partidas com quatro assistências.

– Com esta decisão, o clube reitera seu compromisso de não tolerar atos de nenhum integrante da nossa instituição que atentem contra o espírito universitário e seus valores – disse o mandatário.

– Não podemos permitir que a conduta de uma pessoa prejudique nossa filosofia de trabalho, que é exemplo ao longo da história na formação e desenvolvimento de jovens esportivos em nosso país – acrescentou.

Dani Alves foi detido na sexta-feira em Barcelona enquanto prestava depoimento em uma delegacia local. Como dissemos, ele é acusado de agressão sexual. A acusação foi feita por uma mulher que esteve na mesma festa que o jogador em uma boate de Barcelona no fim de dezembro.

Daniel Alves, em um primeiro momento, negou todas as acusações e afirmou desconhecer a mulher. Agora, segundo informações do jornal catalão “El Periódico”, o jogador mudou a versão. No depoimento de sexta-feira, Daniel afirmou que teve uma relação sexual consensual com a mulher. A mudança de versão pode ter influenciado para que o jogador deixasse o depoimento direto para a cadeia.

Daniel Alves está em um presídio de Barcelona e corre o risco de pegar 12 anos de prisão, caso seja confirmado o estupro.

Em sua primeira noite na prisão, Daniel Alves, ainda segundo informações do jornal “El Periódico”, mostrou-se muito abatido e ficou calado. A expectativa era que ele pudesse receber a visita de familiares neste sábado. O presídio onde Daniel Alves está não é dos piores, segundo a imprensa espanhola, mas está longe de ter luxo. Não tem água quente, por exemplo. E a Europa enfrenta um inverno daqueles.

O ex-jogador e atual técnico do Barcelona, Xavi, falou sobre a situação do ex-companheiro. Ele disse estar em choque com a notícia.

– Estou impactado, em choque, porque conheço muito bem Dani Alves. É um tema difícil. A Justiça dirá o que tem que ser. Muito surpreso, em choque, porque conheço ele muito bem. Não posso dizer nada a mais – afirmou.

Já a ex-mulher de Daniel Alves, Dinorah Santana, saiu em defesa do jogador.

– Conheço o Daniel Alves há muito tempo, fomos casados por 10 anos. Ele jamais faria isso – disse ela, que tem dois filhos com o atleta e mantém uma ótima relação com ele.

Daniel Alves está em Barcelona para dar uma força para a esposa, a modelo Joana Sanz, que perdeu a mãe nos últimos dias. Vale frisar que não cabe fiança na prisão do jogador.

Daniel Alves fez parte do elenco da Seleção Brasileira na Copa do Mundo do Catar. O Brasil acabou sendo eliminado nas quartas de final para a Croácia.

Leo Santos
1162 artigos
Leonardo Santos é jornalista esportivo com passagens por gra ...

Artigos mais recentes

Corinthians vence o São Paulo, no Morumbi, e acaba com jejum de seis anos

Botafogo empresta Jeffinho ao Lyon, time de Textor na França

Neymar deve ser eleito o melhor jogador do ano pela Fifa, afirma ídolo do Manchester United