18+ | Jogue com responsabilidade | Aplicam-se os Termos e Condições | Conteúdo comercial

Lewandowski é eleito o melhor jogador do mundo pela Fifa

Deu Lewa novamente! Pelo segundo ano consecutivo, Robert Lewandowski foi eleito o melhor jogador do mundo. O atacante polonês, que atua no Bayern de Munique (ALE), levou a melhor na disputa com Messi e Salah, conquistando o prêmio The Best. A cerimônia foi realizada pela Fifa nesta segunda-feira (17), em Zurique, na Suíça. 

Saiba como apostar em jogos de futebol

– Estou muito honrado de vencer este troféu, me sinto orgulhoso e feliz. Claro que ele também pertence a todos os meus companheiros e treinadores, porque todos trabalharam muito para ganhar os jogos e títulos – afirmou o atacante do Bayern.  

Com mais essa conquista, Lewa se juntou ao brasileiro Ronaldinho Gaúcho, assumindo a quarta posição dos maiores vencedores do prêmio, que tem a chancela da Fifa. Ambos têm duas conquistas. À frente no ranking estão Ronaldo Fenômeno e Zidane, com três, Cristiano Ronaldo, com cinco, e Lionel Messi, o primeiro colocado, que conquistou o prêmio por seis vezes.  

Vale destacar que o atacante não chegou a ganhar a Bola de Ouro, que é o prêmio entregue pela revista France Football ao melhor jogador do mundo. Nesta edição, o argentino Lionel Messi foi coroado pelo veículo francês. A curiosidade é que esta foi a primeira vez desde 2004 que os vencedores dos dois maiores prêmios do futebol mundial não são os mesmos. Na ocasião, o ucraniano Shevchenko conquistou a Bola de Ouro, enquanto Ronaldinho Gaúcho foi eleito pela Fifa.  

Na disputa de melhor treinador do mundo, o alemão Thomas Tuchel (Chelsea) levou a melhor sobre Pep Guardiola (Manchester City) e Roberto Mancini (seleção italiana), e conquistou o prêmio.  

A meia-atacante espanhola Alexia Putellas, do Barcelona, ganhou o prêmio de melhor jogadora do mundo e confirmou seu favoritismo, já que em outubro a atleta tinha recebido a Bola de Ouro, da revista France Football.   

A técnica inglesa Emma Hayes, também do Chelsea, desbancou o espanhol Lluís Cortés, do Barcelona, e a holandesa Sarina Wiegman, da seleção inglesa, ficando com o prêmio de melhor treinador(a) do futebol feminino.  

Confira as outras premiações: 

Puskas (gol mais bonito) 

– Erik Lamela (Tottenham) 

Melhor goleiro 

– Édouard Mendy (Chelsea) 

Melhor goleira 

– Christiane Endler (Lyon).

Leo Santos
865 artigos
Leonardo Santos é jornalista esportivo com passagens por gra ...

Artigos mais recentes