18+ | Jogue com responsabilidade | Aplicam-se os Termos e Condições | Conteúdo comercial

Flamengo vence o Fortaleza, pelo Brasileirão, e segue firme na caça ao líder Atlético-MG

Pedro comemora o gol pelo Flamengo
Pedro comemora o gol pelo Flamengo. Foto: Alexandre Vidal / Flamengo

A briga pelo título do Campeonato Brasileiro 2021 segue aberta. Na noite deste sábado (09/10), o Flamengo venceu bem o Fortaleza, no Castelão, por 3 a 0 e segue firme na caça ao líder, Atlético-MG, que também venceu na rodada: 3 a 1 sobre o Ceará, no Mineirão. Onze pontos separam o líder do vice-líder, mas o Rubro-Negro tem dois jogos a menos.

Saiba como apostar no Brasileirão.

O jogo (Fortaleza 0 x 3 Flamengo)

Em Fortaleza, Pedro e Michael, duas vezes, marcaram os gols do Flamengo. A partida teve um primeiro tempo bem equilibrado, com o Flamengo chegando mais, mas sem ameaçar muito a equipe cearense. O Fortaleza apostava nos contra-ataques, mas também não conseguia assustar o Rubro-Negro.

O segundo tempo começou com o Fortaleza em cima. Logo no início, foram duas boas chances para marcar, com David e Wellington Paulista. No entanto, foi o Flamengo que saiu na frente. Aos 14 minutos, Andreas Pereira cobrou escanteio e Pedro marcou de cabeça após falha coletiva da defesa do Fortaleza: 1 a 0.

O gol causou uma pane geral no Fortaleza. Aos 18 minutos, Andreas Pereira cobrou falta, a bola bateu na defesa do Leão e o goleiro Felipe Alves rebateu. No rebote, Michael colocou na rede. Aos 21 minutos, de novo ele, Michael. Matheuzinho fez uma jogada sensacional pela direita e cruzou na medida. Micha colocou a cabeça nela e marcou: 3 a 0.

Pouco tempo depois, o volante Ronald, do Fortaleza, perdeu a cabeça, agrediu Rodrigo Caio e foi expulso. Ficou fácil para o Flamengo, que fez muitas substituições e administrou o resultado até o final.

– Nosso torcedor pode ficar tranquilo, porque sempre buscamos o melhor para o clube. O Flamengo está invicto há seis partidas. Estamos na final da Libertadores. Estamos na (semi) final da Copa do Brasil. E estamos brigando pelo título brasileiro, e tenho esse sonho. Estamos a 11 pontos do Atlético, mas temos dois jogos e menos e um confronto direto. O Flamengo é o único na disputa de três competições. E bem nas três competições. O Flamengo é muito grande para desistir de qualquer competição – disse o técnico Renato Gaúcho.

O Flamengo chegou a 42 pontos na tabela do Campeonato Brasileiro, 11 a menos que o Atlético, que tem 53. O Rubro-Negro volta a campo nesta quarta-feira, às 19h, no Maracanã, para enfrentar o Juventude.

Confira a entrevista completa de Renato Gaúcho:

Análise da partida“Quase sempre os adversários jogam dessa forma (em busca dos contra-ataques). Sempre busco a vitória. O mais importante foi que tivemos paciência e não nos desorganizamos.

Criamos as situações e fizemos os gols. O time esteve bem taticamente, tecnicamente e correu muito bem. O Fortaleza é sempre muito difícil de ser batido. Muitos jogadores na seleção, machucados… mas isso aqui é Flamengo. Importante quem entra ter a entrega os 90 minutos”.

Muitos problemas físicos“O Diego (Alves) não consegue nem calçar a chuteira, levou um pisão. O Bruno Henrique vai fazer exame nesta segunda e não sabemos quando ele poderá voltar a jogar. Muitas vezes colocam a opinião pública contra nós.

Nós erramos em uma única opinião, a de tentar acelerar para colocar em campo. A única vez que eu poupei jogadores foi na partida contra o ABC. O jogador que se tira do jogo porque está com problemas.

Jogador pode machucar até subindo ônibus. Futebol é contato. O Diego machucou porque um companheiro caiu em cima do pé dele. Dedo está inchado. Esse tipo de coisa acontece.

O Flamengo tem uma decisão a cada três dias, o desgaste é muito grande. Isso proporciona as lesões. Nós deveríamos poupar, mas não poupamos. Arrisco. O Andreas poderia ter sofrido lesão, está com a perna pesada.

O Bruno Henrique não tinha condição de entrar, está com lesão. Nós aqui dentro é que sabemos das informações. O torcedor precisa escutar o técnico, o médico, o presidente…”

Relação com Michael“A relação com o Michael, é ótima, assim como é com o grupo todo. Com educação, carinho, escuto todo mundo. Sempre com respeito. Minha felicidade é ver o Michael fazendo os gols, da mesma forma que recuperamos outros jogadores. Ninguém desaprende a jogar, pode passar por uma má fase. Ele faz essas coisas para ganhar meu DVD, mas ele ainda não está pronto para isso”.

Michael agradece a Renato

Autor de dois gols na ótima vitória do Flamengo sobre o Fortaleza por 3 a 0, Michael fez um agradecimento especial a Renato Gaúcho, em entrevista concedida ao Premiere logo após o jogo.

– Tenho vivido um momento muito feliz aqui dentro. Considero muito ele pelo carinho e pela atenção que me deu desde sempre. Brinquei com ele como brinco no dia a dia no CT. É como um paizão. Me dá apoio, carinho, conselho mas puxa a orelha quando tem que puxar também, assim como faz com todos. Sou muito grato pelo que ele fez na minha vida, assim como sou aos meus companheiros também. Sem eles, a gente não teria feito o que fez aqui – disse Micha.

Confira os gols do Flamengo na partida:

Na liderança, Cuca já faz as contas para o título do Atlético-MG

O Campeonato Brasileiro 2021 está longe do fim, mas o técnico Cuca, do Atlético-MG, líder da competição, já faz as contas para o título.

– O que a gente pode fazer…. É a experiência de ter disputado quase todos os brasileiros de pontos corridos. Então você faz uma média, você tem 114 pontos a disputar, se você fizer dois pontos por jogo de média, você vai ter 66%, coisa que vai girar em torno de 75/76 pontos… Isso é uma média que você faz para o campeonato, normalmente os times que conseguem essa pontuação saem campeão – disse Cuca, após a vitória do Galo sobre o Ceará por 3 a 1, no Mineirão.

Os gols do Atlético foram marcados por Hulk (2) e Diego Costa.

Abaixo, mais trechos da entrevista de Cuca.

Análise do jogo“Eu acho que foi um jogo muito intenso, um jogo de um pegada muito forte, uma qualidade, velocidade na troca de passes, né?! Apesar de não ter tido grandes oportunidades no primeiro tempo, você tinha o controle do jogo e sabia que fazia parte do jogo de você ir minando o adversário dentro do que você estava fazendo, que em algum momento você ia fazer o gol. No segundo tempo fizemos a troca e também em outro perfil de time, fomos bem”.

Sinergia com a torcida“Agradeço muito o trabalho que o torcedor fez, ele não veio aqui assistir ao jogo, ele veio trabalhar e como trabalhou, bacana demais. E quarta-feira é outro trabalho que a gente tem que fazer junto. Então, quando acaba o jogo e a gente vai lá dentro saudar o torcedor, não é para se exibir, é para agradecer. Nós somos um só é mais ou menos isso que a gente quer dizer para eles”.

Confira os outros resultados da 25ª rodada do Brasileirão:

Fluminense 0 x 0 Atlético-GO

Sport 1 x 0 Corinthians

Athletico-PR 0 x 2 Bahia

Palmeiras 2 x 4 Red Bull Bragantino

Juventude 1 x 1 América-MG

Internacional x Chapecoense

Santos x Grêmio

Cuiabá x São Paulo