18+ | Jogue com responsabilidade | Aplicam-se os Termos e Condições | Conteúdo comercial

Flamengo goleia o Defensa y Justicia e vai às quartas de final da Libertadores

Três jogos, três vitórias, duas goleadas. O Flamengo de Renato Gaúcho está vencendo e convencendo. Nesta quarta-feira, goleou o Defensa y Justicia (ARG) por 4 a 1, no Mané Garrincha, em Brasília, com mais uma grande atuação, e se classificou para as quartas de final da Conmebol Libertadores. Rodrigo Caio, De Arrascaeta e Vitinho, duas vezes, marcaram os gols do Mais Querido, que enfrenta nas quartas o vencedor do confronto entre Internacional e Olímpia (PAR).

O Flamengo fez um grande primeiro tempo. Abriu o placar logo no início com Rodrigo Caio de cabeça e desperdiçou inúmeras chances na sequência. No fim da etapa, deu uma vacilada. Diego Alves saiu jogando mal e Loaiza empatou para os visitantes. Foi então que brilhou a estrela de Renato Gaúcho. No segundo tempo, ele colocou em campo Michael e Vitinho nos lugares de Everton Ribeiro e Bruno Henrique, e o Flamengo decolou. Michael, endiabrado, acertou o travessão. No rebote, De Arrascaeta marcou de cabeça o segundo do Mengão. E Vitinho fechou o placar com dois belos gols de fora da área.

– Tenho bastante opção e procuro conversar mais com os jogadores que estavam sendo criticados, não tinham caído nas graças da torcida, principalmente Michael e Vitinho. É importante passar confiança, saber o que está acontecendo e melhorar os jogadores – disse Renato Gaúcho, em entrevista coletiva.

– Sempre aprendemos, mesmo com as vitórias. Não é porque o Flamengo venceu que eu não vi erros, mas aí é meu papel fazer as correções com os treinamentos e os vídeos. Não troco ideia somente com 11 jogadores. Dou atenção a todos eles, dou liberdade para falar e o treinador precisa de todos. Estamos em três competições difíceis e é importante que todo mundo esteja pronto. Vai ter espaço e oportunidade para todo mundo. Fico feliz que quem tem entrado, está entrando bem e dando conta do recado – acrescentou.

A partida ficou marcada pela volta da torcida aos estádios. Foram quase 10 mil torcedores rubro-negros no Mané Garrincha. Todos de máscara e com PCR negativo, ou vacinados. A diretoria do Flamengo, agora, pretende ampliar a experiência bem sucedida para o Campeonato Brasileiro, mas dependerá do aval da CBF.

– Eu sou a favor da volta da torcida. É lógico que somos inteligentes e há pessoas que pensam. A Conmebol está de parabéns, porque alguém tem que começar. E temos que ter segurança com os protocolos. É importante a volta do público desde que seja com segurança. Não estamos livres da pandemia – disse Renato.

O Flamengo volta a campo neste domingo, às 16h, no Maracanã, para enfrentar o São Paulo, pelo Campeonato Brasileiro.

Saiba como apostar na Libertadores.

Confira outros resultados da quarta-feira

Conmebol Libertadores

Argentinos Juniors 0 x 2 River Plate (classificado)

Palmeiras (classificado) 1 x 0 Universidad Católica

Barcelona de Guayaquil (classificado) 3 x 1 Vélez

Brasileirão

Cuiabá 2 x 1 Atlético-GO

Brasileirão (Série B)

Vila Nova 0 x 1 Brusque

CSA 2 x 2 Vasco

Náutico 2 x 1 Brasil de Pelotas